Importância de consultas regulares ao oftalmologista é destaque na Rede Massa

Postado dia 21 de julho de 2017
por Clínica Canto
home blog Importância de consultas regulares ao oftalmologista é destaque na Rede Massa

Dr. Marco Cantou falou sobre a importância da prevenção em uma entrevista para o Tribuna da Massa

Fazer um check-up anual com o oftalmologista desde a infância é fundamental para garantir uma boa visão. O diretor da Clínica Canto, o oftalmologista Marco Canto, foi o entrevistado no Tribuna da Massa, da Rede Massa, para dar dicas e orientações sobre prevenção de problemas oculares.

Confira a matéria abaixo e o link para o vídeo AQUI

Se você está sentindo alguma dificuldade na hora de ler, forçando os olhos para enxergar, mas não sabe o que está acontecendo, tome cuidado: pode ser que você tenha algum problema de visão. Os sintomas aparecem em qualquer  idade, por isso é importante ir ao médico. Esse é o caso da escritora Lilian Costa, que não nega a preferência pelas lentes de contato, mas quando precisa, os óculos estão sempre na mão. Ela tem dificuldade para enxergar, principalmente, de perto. “O problema maior é para ler. Fazer uma leitura é realmente impossível sem lentes ou sem óculos”, revela.  

É justamente nessa hora de ler algo que as pessoas, normalmente, observam que não estão enxergando. Então, falta abraço ou é preciso aproximar demais o conteúdo para poder enxergar, sem citar outros sintomas como dor de cabeça e sensibilidade à luz. Esses são sinais de alerta que não podem ser menosprezadas e é uma consulta ao oftalmologista que vai dizer o que está acontecendo.

“A dificuldade visual pode não ser percebida pelas pessoas, exceto por alguns sintomas como dificuldade visual, ou seja, está embaçando a visão, os olhos estão ardendo ou ficando vermelhos. Tem pessoas que não consegue enxergar a mesma coisa com os dois olhos. Tudo isso já é motivo suficiente para você procurar um oftalmologista”, orienta o oftalmologista Marco Canto, diretor da Clínica Canto.

As pessoas mais velhas são as que mais sofrem com esses problemas de visão, mas segundo o médico, as crianças não estão livres desse mal. “A criança começa a ter dificuldade na escola, não consegue copiar ou não consegue escrever. Ela não consegue acompanhar o que está acontecendo na escola e não vai se queixar porque aquilo para ela é normal. Lembre-se que nós, adultos, às vezes não sabemos que estamos enxergando bem. Logo, para a criança aquela dificuldade também é normal, pois ela nunca conheceu outra coisa, ela não tem com o que comparar e não tem discernimento. Então, a criança também precisa fazer uma consulta de rotina anual para se ter a certeza que ela está com melhor da sua capacidade visual”, alerta o oftalmologista.

Esses exames devem estar na lista do check-up anual de todo mundo, pois o acompanhamento permite que sejam identificados e tratados os problemas de visão ainda no início. Lilian sabe bem disso e segue à risca as recomendações. “Há 20 anos que eu uso óculos e venho periodicamente. A cada seis meses eu estou no consultório. Por exemplo, nesta última consulta meu grau não mudou, está tudo certinho com as lentes de óculos, com tudo. Logo, eu me sinto tranquila porque eu sei que estou bem”, salienta a escritora.


Tags
check-up, prevenção, problemas oculares, entrevista